Simbolo do Jornal Satelite         Logo do Jornal Sateliteselo

 Data::Hora Javascript

Grande Taguatinga

Instagram

instagram

Desde 21 de Abril de 1966, o JORNAL SATÉLITE teve edições mensais impressas.

A partir de Janeiro de 2019, deixamos de imprimir o jornal em papel, dando mais atenção à sua edição digital, agora diária.

Você pode ter acesso às edições impressas clicando na foto acima.

O leitor escreve

* Buracos estão sendo tapados

* Comunidade se movimenta

* Academia Taguatinguense de Letras

* Revitalizado, Centro Radiológico de Taguatinga, na Avenida Hélio Prates, volta a funcionar

06 10 2021 flagrantecentroradiológicoTaguatinga6/10/2021

O Centro Radiológico de Taguatinga (CRT), localizado na Avenida Hélio Prates, retomou os atendimentos ontem (5/10). A unidade, que foi interditada no dia 17 de fevereiro após recomendação da Defesa Civil, passou por reparos em 70% da estrutura. Revitalizado, o CRT já entra em operação com capacidade máxima dos serviços de radiografia oferecendo até seis mil exames por mês. Além disso, ainda este mês, a unidade terá dois novos ecógrafos, permitindo a ampliação da carta de serviços. A secretária adjunta de Assistência à Saúde, Raquel Beviláqua, e o superintendente da Região de Saúde Sudoeste, Luciano Gomes, visitaram o CRT. A gestora adiantou que a unidade se prepara para, em um futuro próximo, oferecer tomografia e ressonância magnética. O atendimento ao público será de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h e das 13h às 18h. “Tivemos alguns problemas com o CRT, mas agora temos um espaço novo e revitalizado. Estamos voltando com a parte das radiografias e o mamógrafo deve chegar ainda este mês, na campanha Outubro Rosa. Vamos prestar um atendimento de qualidade, uma vez que o CRT tem uma localização perfeita e acessibilidade para atender a população do Distrito Federal”, destaca Luciano Gomes. O investimento com a revitalização foi de R$ 100 mil e foi custeado por meio do contrato de manutenção predial vigente. A decisão pela retomada dos atendimentos ocorreu após avaliação da estrutura feita por técnicos da diretoria de engenharia da Secretaria de Saúde e da Novacap.
Texto: Francisco Welson Ximenes
Foto: Agência Brasília